• 19 de junho de 2024

Expointer 2023 investe em acessibilidade para receber visitantes

 Expointer 2023 investe em acessibilidade para receber visitantes
A rota consiste em um trecho pavimentado, de grande largura e pouca inclinação. Ao lado, há terra e grama.
Rota da Acessibilidade vai da entrada no Portão 5 até os pavilhões – Foto: Julia Chagas/Ascom Seapi

Acessibilidade é uma das palavras-chave da 46ª Expointer, que ocorrerá de 26 de agosto a 3 de setembro. Neste ano, o Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, está se preparando para ampliar sua visitação. Pessoas com mobilidade reduzida e com deficiência visual poderão circular pelo local com mais facilidade.

“Investimos cerca de R$ 160 mil em acessibilidade. Cadeirantes, por exemplo, poderão circular livremente pela Rota da Acessibilidade, que vai desde a entrada no Portão 5 até os pavilhões, sem precisar passar por chão de brita ou de terra. Foi feito um novo calçamento com 500 metros de extensão”, explica o assessor especial do Parque, Sandro Schlindwein.

Uma rampa preta, de baixa inclinação, aparece instalada junto a uma calçada.
Rampa em frente ao Pavilhão do Comércio – Foto: Julia Chagas/Ascom Seapi

Ele conta que, para o próximo ano, será feita uma estação de acessibilidade em um estande no Pavilhão do Comércio, composta por uma via demarcada. “Neste ano, vamos apenas traçá-la e melhorá-la, sem deixar imperfeições no chão”, afirma.

Conforme Schlindwein, outra novidade são as rampas de acesso em cada um dos pavilhões e no prédio da Administração Central. “As rampas estão sendo feitas seguindo a legislação à risca, como inclinação de 15 graus. A da Administração contará também com um piso tátil (especial para deficientes visuais)”, destaca.

Ainda no prédio da Administração, será instalado um elevador, que dará acesso ao auditório do segundo andar, onde ocorrem vários eventos. “Até o dia 24, com certeza estará pronto. Com a instalação, o custo foi de R$ 100 mil”, diz Schlindwein. “No local, já existe um banheiro com acessibilidade, e será construído mais um até a feira.”

Canoas Mais

Noticias Relacionadas